Emagrecer, Você está fazendo isso da maneira correta ?

Emagrecimento pressupõe mudança de hábitos, de comportamento. Mais que perder peso, emagrecer é mudar a cabeça para, conseqüentemente, mudar peso.Mudanças mobilizam ansiedade, incerteza, medo do desconhecido. A própria natureza do comportamento alimentar inadequado, que leva à comida, é complexa. Muitas vezes é ligado a sentimentos de culpa, ansiedade, angustia, raiva, preocupação, depressão, stress, obsessões, insônia, ciúmes. Problemas afetivos, sexuais, de relacionamento, conjugais, desajuste familiar, podem ter na comida um “remédio” indevido, sem que a pessoa se dê conta.

A abordagem médico/nutricional trabalha o lado lógico do emagrecimento. Trabalha o comportamento nutricional, regido pela lógica, pelo aprendizado, visando prover o organismo dos nutrientes necessários. O comportamento alimentar, mais simples, instintivo, primitivo é, muitas vezes, alterado pelos elementos emocionais acima. Se a pessoa está equilibrada psicologicamente e motivada, em tese pode emagrecer sem problemas. Ocorre que, entre “saber o que fazer” e “conseguir fazer o que a pessoa sabe que deveria”, muitas vezes vai um abismo. A alteração de comportamento que leva ao prato tem caráter basicamente emocional, ilógica e muitas vezes não acessível às abordagens tradicionais, necessárias mas não suficientes.

CONCEITOS DE EMAGRECIMENTO

1) Conceito:

Emagrecer é reduzir o excesso do tecido adiposo (gordura) e manter, ou ganhar, massa magra.

2) Perder peso:

ire essa palavra do seu vocabulário, pois perder peso não significa emagrecer. Quando você perde peso, há uma redução significativa da massa magra, o que não é positivo para emagrecer;

3) Composição corporal:

correto é fazer uma avaliação da sua composição corporal, pois essa avaliação permite visualizar a quantidade de massa gorda e massa magra que possui. Se você reduzir a quantidade de massa gorda e preservar, ou até ganhar massa magra, isso significa que você emagreceu!

Para gravar na cabeça!

Para emagrecer com saúde, é preciso avaliar a alteração na composição corporal. “Diz-se que uma pessoa emagreceu se ela reduziu a massa de gordura. O melhor emagrecimento é aquele em que o peso perdido é decorrente, em sua maior parte, da redução do tecido adiposo”.

A diferença entre os conceitos de emagrecimento e perda de peso é algo delicado e que pode envolver riscos à saúde – e até mesmo trazer resultados negativos. “Se você deseja perder peso e acaba optando por seguir muito dietas rígidas ou sem embasamento científico, muitas vezes a diminuição nos dígitos da balança vem mais em decorrência da redução de massa magra do que de gordura”.

Envie uma mensagem para nós

Preencha os dados abaixo e procuraremos te responder o tão breve possível:

    Venha nos visitar

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    × Entre em contato conosco!